quinta-feira, 21 de maio de 2009

Reflexos

Nada mais é como pensei....
Tenho saudade de tudo aquilo que não vivi.....
Pensava, esperava radiante e por um instante pasmo,não mas me reconheci...
Minha sede cessou, minha esperança desfalece no deserto...
Tudo agora é angustiante e incerto...
Aquela velha dor volta a me atormentar, e em menor intensidade, trás o pranto de volta ao ar...
Não sinto mais força pra lutar, minha mente já não é tão viril...
Minhas espectativas são tão obsoletas quanto discos de vinil...
Pois bem mas curto é meu pavil, e meus objetivos se perdem no horizonte...
Mesmo depois de atravessar rios, mares e montes, percebo que talvez fosse tudo uma miragem...
Observo o oceano e do outro lado não vejo a margem...
Porém os pássaros agora estão livres, e curiosamente se vangloriam de bem alto voarem...
Tolos, desprezam as mãos daqueles que ouviram seus gemidos ecoarem...
Quando ainda no cárcere, perdidos corpos morimbundos....
Destinados fatalmente a perecerem em seus ridículos mundos....
A vida se encarregará de revelar as verdadeiras facetas...
Os desprezados esquecidos voam como cometas...
Em direção a sua grande vitória....
Pobres pássaros, terão a imagem das mãos amigas apenas em suas memórias...

אלוהים הוא נאמן

Por Daniel ILê

3 comentários:

Nathalia Souza disse...

Sinceramente...melhor texto de todos. Poético,tem sua imagem ai de dentro refletida (reflexos). Um pouco triste?ou desesperançosa? não sei, mas ainda sim, considero a mais sincera; a melhor de se enxergar.A que liga e aproxima um ponto ao outro.

Parabéns

Ana Paula disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Aninha disse...

Sera que Nathalia esta certa? Sera que esse é o texto aonde vc se mostra mesmo?
Acho que tudo aqui no Blog tem bastante de você. Talvez esse aqui como fala de uma dor, de uma saudade, temos a impressão de que se aproxima mais de você.
Achei intrigante você falar de uma saudade de algo nao vivido.
Cansado? As vezes eu também...

bjos